Clássico e Despojado


O estilo clássico, cheio de antiguidades deu personalidade e um charme todo especial para o lar de 2 dormitórios da ex advogada e agora designer de interiores Michelle Smith. Alguns detalhes mais modernos e rústicos deixam a decoração mais despojada e ainda mais estilosa, sem falar no quanto é aconchegante. Um charme só !!!!!!!apto-michelle-smith

Michelle aproveitou o azul da estampa do tapete (enorme, lindo!) para combinar com as duas poltronas em veludo, que deram mais vida à sala toda em tons de marrom, bege e branco. Aqui tem uma boa mistura entre o clássico e antigo com o moderno: as mesas de centro e lateral são bem contemporâneas, enquanto a lareira, o sofá marrom e a escrivaninha trazem o clássico.apto-michelle-smith2

apto-michelle-smith32

 

A cozinha é uma ótima inspiração , para quem tem pouco espaço: a janela na parede do fundo enche de luz natural. Os armários tem um tom cinza acastanhado bem atemporal. O mármore substitui os azulejos nas paredes. O piso de ladrilho também está mais em alta do que nuncaapto-michelle-smith3a

A sala de jantar ganha imponência com a mesa rústica, de madeira marcada pelo o tempo, o que dá uma personalidade e tanto! As cadeiras tem também uma certa rusticidade, porém com um design mais clássico.apto-michelle-smith4

apto-michelle-smith5

No banheiro da suíte, mais detalhes que são puro estilo: o encanamento aparente, típico das casas antigas, em cobre e o azulejo tijolinho (ou de metrô). A pia simples (adoro!) dá ainda mais graça.apto-michelle-smith6

Na suíte de Michelle, a cama de ferro sem dúvida é o destaque! Linda, linda… A cadeira antiga, a cômoda, o tapete… tudo tem o charme do clássico. O armário de sapatos fica na sala e ganhou cor azul e portas pretas. Michelle se limita a ter pares suficientes para caber ali!

 

Ambientes


decor_do_dia_2014_07_28

O rosa, muitas vezes associado à feminilidade e à juventude, pode muito bem ser usado para alcançar um clima contemporâneo e sofisticado. É o caso do living acima, em que a cor é confrontada por elegantes tons de cinza. Mas o mix de nuances não alcançaria tal resultado se não fosse pela variedade de materiais e de formas. Enquanto o design escandinavo da poltrona evoca elegância, a mesa de centro de carretel e o tapete de tecido agregam rusticidade. Para finalizar, um sopro de geometria: os objetos na janela, uma das almofadas e a luminária de piso acrescentam contornos interessantes.

 

decor_do_dia_2014_07_27

As ousadas paredes escuras são uma tendência inegável na decoração. Sofisticadas, provocam um efeito surpreendente em qualquer espaço, ainda mais quando combinadas com um estilo bem definido. É o caso da sala de estar acima, criada pela dupla holandesa da Van Belkom Producties. Móveis clássicos, como a poltrona de couro de estofamento botonê e outros rústicos, como a mesa de centro de tábuas de madeira crua, ganham uma injeção de sofisticação ao serem confrontadas com a pintura negra. A outra parede e o piso, em tons de creme, impedem que o espaço fique muito escuro e os acessórios imprimem um clima definitivamente campestre.

 

decor_do_dia_2014_07_22

Organizar os utensílios da cozinha pode ser algo nada prático quando não se tem a estrutura e o espaço necessários. Muitas vezes, criar uma alternativa para alocar todos os objetos pode acabar dando um charme extra ao ambiente. É o caso do espaço acima. Os copos, pratos e vasilhas foram acomodados em prateleiras colocadas em uma parede com janelas. O que diferencia o projeto é o fato de que as ripas de madeira passam sobre as vidraças, criando uma proposta inusitada e contemporânea. Para completar o clima de praticidade e ousadia, optou-se por uma cartela de cores sóbria e elegante – preto, branco e cinza –, luminárias esculturais e móveis clássicos. Despercebido, o ambiente não passa.

 

decor_do_dia_2014_07_20

É possível construir uma cozinha que seja clean e tenha detalhes bem humorados ao mesmo tempo. É o caso do espaço acima, que usou uma base simples e pontuou a decoração com escolhas vibrantes. A começar pelos pendentes cor de cobre, uma tendência forte no mundo do design, e que levam a assinatura de Tom Dixon. Na parede ao lado, uma tela pontua cor no ambiente claro, enquanto, sob a bancada, um trio de banquetas industriais pintadas de amarelo injetam energia moderada no cômodo.

Uma Casa Rustica.


Os materiais naturais, cores terrosas e múltiplas texturas são a marca registrada desta casa, propriedade de um casal com três filhos. Fresca e simples, seu estilo é um misto dos ares do Delta com toques rústicos,  e às vezes, alguns elementos modernos.

Consuelo Quirno Costa, uma dona de casa, é uma artista e autora quase exclusiva da decoração desta casa. Ela compra móveis antigos, objetos restaurados, pinta as paredes, e projetou o  jardim. “Eu trabalho muito em casa .. .. vim para restaurar o que já tinha sido mudado. Não tenho nenhum problema em fazer o que for preciso, fazemos  nós mesmos, eu e o meu marido e às vezes até sobra para as crianças. Não me importa que as coisas não saiam perfeitas , a imperfeição vai ao encontro do artesanal, que eu amo. ”

Projetado pelo escritório de  Horacio Barattini, os atuais proprietários já a compraram construída. Apenas acrescentaram uma oficina para Consuelo, em um espaço que era antes uma garagem. No corpo principal,  uma ampla sala de estar, quatro quartos, despensa e um lago, sonho paisagístico deste casal.

A proprietária sugeriu …….

  1. Malas, caixas e baús podem ser úteis para dar um toque antigo a qualquer ambiente. No quarto fica muito bem aos pés da cama ou debaixo de um espelho.
  2.  O cimento tem várias vantagens: ele está disponível em uma variedade de cores, aplica-se facilmente, não gera resíduos e não precisa nem levantar os pisos existentes. Mas deve ficar claro que, ao longo do tempo pode apresentar pequenas rachaduras.
  3. Espaços livres externos para poder  “brincar” com a iluminação em diferentes níveis e, nesse sentido, as velas raramente falham. Elas podem ser colocadas nas mesas de apoio nas laterais das cadeiras (melhor lanternas) ou em lustres.inspiracion-1917217h640 
    inspiracion-1917218h640

    ” Pensei bastante no esquema das cores externas……enquadramento com tom de laranja sobre a moldura azul” Nas paredes internas reina o cinza claro.

     

    inspiracion-1917230h640

    A iluminação é rustica. Velas no candelabro de teto e luz indireta nas paredes.

     

    inspiracion-1917219h640

    Economia de elementos e o máximo de conforto. Um aparador-buffet pintado pela proprietária, cadeiras em estilo francês e cortinas em puro linho.

     

    inspiracion-1917215h640

    Consuelo não gosta de armários na cozinha, por isso tudo fica a vista. Bules, xícaras e todos os utensílios de cozinha.

     

     

    inspiracion-1917228h640

    O branco prevalece nesta cozinha, as cores são dadas pelas peças pintadas pela própria proprietária……

     

    inspiracion-1917216h640

    Chaise longue com futton gigante e várias almofadas de veludo. Servindo de mesa lateral, duas malas antigas guardam fotografias e recordações

     

    inspiracion-1917225h640

    ” A princípio pensamos na possibilidade de não termos uma piscina – o lago era suficiente – mas depois vimos vantagem em te-la e pintei o fundo de um verde bem clarinho”

     

    inspiracion-1917226h640

    O quarto do casal é simples, a mesinha de cabeceira recebeu pátina feita pela artista e o foco principal é a luminária de teto toda feita de fios de arame.

     

    inspiracion-1917223h640

    Partindo de uma antiga e valiosa cômoda que pertencia a sua mãe, a proprietária fez um recanto para sua toilette. Um espelho de família e diversos frascos de perfume completam o cenário.

     

    inspiracion-1917229h640

    Mais uma vez, linhas simples neste banheiro. Apenas um espelho e um móvel antigo que faz as vezes de pia.

     

    inspiracion-1917214h640

    Quarto do adolescente, listras e uma paleta suave de cores. A mesa antiga serve de apoio para o computador, recados e lembretes ficam fixos no quadro emoldurado de cortiça.

     

    inspiracion-1917227h640

    ” A minha ideia original é que o ambiente de trabalho ficasse escondido, e como não gosto de beliches prontos, esta me pareceu a melhor solução

     

    inspiracion-1917222h640

    A antiga garagem transformou-se no atelier, novas janelas foram compradas e o lindo armário encontrado em antiquário foi a solução para guardar as tintas desta artista.

     

    inspiracion-1917220h640

    Jardim

     

    inspiracion-1917221h640

    Mesa e cadeiras feitas pelo marido de Consuelo.

     

    inspiracion-1917213h640

    ” Basta um passeio pela minha casa que encontro algo para lixar, aqui eu pinto e restauro móveis, este é o meu lugar”

Em Ipanema……..


Vi este apartamento pela primeira vez no programa Casa Brasileira.
Beto Figueiredo, da Ouriço Arquitetura, foi o responsável pelo projeto de reforma do imóvel, mas o bom gosto presente na decoração é mérito da proprietária. O arquiteto ficou tão impressionado com o resultado que a convidou a trabalhar como parceira da Ouriço, o que ela vem fazendo desde então.
Este apartamento fica na Vieira Souto com vista para o mar azul de Ipanema, mas seu estilo clássico “light” o colocaria em Manhattan ou Paris num piscar de olhos.
A cozinha com seu piso xadrez ficou fantástica e a sala de TV com a imensa estante repleta de livros me fez sonhar.
Como é no escritório que ela passa a maior parte do tempo, optou por privilegiar a área com vista para o mar, assim poderia aproveitar o que de melhor o apartamento tem a oferecer.
Imaginem o prazer (ou tortura!) que deve ser trabalhar olhando para a orla de Ipanema. 
Musica do post Pet Shop Boys

94

Grande parte do piso é de madeira, porém a área social da casa é de um mármore belíssimo. Tons claros predominam nas paredes e na maior parte dos estofados, rouparia…


 

101

A moradora optou por fazer toda a área de uso (sala de estar, escritório, sala de tv, biblioteca) na parte nobre da casa, que é de frente pro mar. Só não sei se é um prazer ou sacrifício trabalhar diante dessa vista maravilhosa… o que vocês acham???

 

7

Corredor

 

1_11

Escritório integrado com uma bela vista.

 

6

Na belíssima estante da biblioteca, além de livros, um apanhado de fotos e objetos de decoração… tudo de um extremo bom gosto. Observem que em alguns nichos existem luminárias embutidas, que, acesas, dão um charme a mais…

 

111

Simplicidade é sinônimo de elegância….

 

142

Pra relaxar, ler um bom livro ou simplesmente tomar um chá…

 

121

A janela da sala de jantar tem vista pra parede cega de outro prédio, então foram colocadas luminárias, de maneira que tornou possível acender os brises pra dar um ar de continuação, como se houvesse algo mais…

 

81

Clássico e aconchegante, a modernidade fica por conta da tela, dando um toque de cor.

 

161

Esse piso é um clássico!!! Uma ideia maravilhosa para uma cozinha neutra como essa, onde predominam o branco e o preto, somente com toques de vermelho nos utensílios e objetos.

 

151

Banheiro social.

 

17-11

Suíte principal

 

5

Closet do casal

 

18

Mesa cabeceira da suíte principal: delicadeza em todos os detalhes.

 

19

Banheiro do casal. Maravilhoso, e não pode ser mais simples.

 

2

Detalhes primorosos.

 

4

Quarto da criança.

 

Captura de Tela 2012-05-04 às 21.15.15

Quarto de hóspedes.

 

?????????

Requintes de quem sabe receber……

 

Loft


Lofts são uma das minhas paixões, e um nos moldes deste,  projetado pelo arquiteto Luiz Fernando Grabowsky para a edição 2012 da Casa Cor Rio, seria a minha escolha se  resolvesse mudar.
O teto em madeira aparente e as paredes de tijolos foram preservados e casaram perfeitamente com a decoração num estilo urbano, contemporâneo e cheio de bossa, reforçados pelo pé direito e janelas altos.
Concordo com Grabowsky quando diz que conseguiu mesclar personalidade e aconchego em doses certas.
Acho que deveríamos repensar nossas moradias, preservar os casarões antigos que fazem parte da nossa história e atualizar seus interiores para atender às exigências da vida moderna.
Este não é um loft,  mas seria ótimo se fosse! Este projeto do loft, pelo designer de interiores Luiz Fernando Grabowsky para a exposição Casa Cor no Rio  mostra uma área de estar multifuncional em um único (mas muito espaçoso) espaço.
Você encontra tudo sobre um loft : vibe industrial, pé direito alto e paredes de tijolos expostos. Os marrons e laranjas são maravilhosamente coordenados, o lugar exala calor e simpatia.
Fiquem atentos para os detalhes peculiares -os azulejos de cimento geométricos com padrão misto , bem como os tijolos pintados de branco, no banheiro.
Armários de cozinha em aço inoxidável e vidro fumê têm puxadores de aço e gavetas internas com divisórias para talheres, diferentes pratos,e porta mantimentos. O guarda-roupa tem iluminação interior, cabides de couro, gavetas em vidro incolor,  e gavetas disfarçadas para jóias. A cama é coberta em couro branco com cabeceira High Gloss . A  a bancada de trabalho, com tampo em em High Gloss Ebony, funciona como um divisor de quarto e vem com alças de couro e pequenos nichos para livros.Para embalar esta visita – Boy George –

rio-loft-grabowsky-01-660x439
rio-loft-grabowsky-02-660x439
rio-loft-grabowsky-03-660x989
rio-loft-grabowsky-04-660x989
rio-loft-grabowsky-05-660x989
rio-loft-grabowsky-06-660x439
rio-loft-grabowsky-07-660x442
rio-loft-grabowsky-08-660x989
rio-loft-grabowsky-09-660x439
rio-loft-grabowsky-10-660x989
rio-loft-grabowsky-11-660x439
rio-loft-grabowsky-13-660x371
rio-loft-grabowsky-14-660x439
rio-loft-grabowsky-15-660x439
rio-loft-grabowsky-16-660x445

Fast Post – Ambientes


bedrooms-with-bookshelves-07-1-kindesign

Além de ser uma fonte inesgotável de diversão e distração, uma boa coleção de livros pode tornar-se um elemento-chave para a decoração, mesmo no dormitório. Uma dica esperta para incorporar os objetos no quarto é criar prateleiras que vão do piso ao teto por uma parede inteira. Como no ambiente acima, é preciso intercalar os espaços com outros elementos – como vasos, relógios e peças decorativas – para evitar que o visual fique muito pesado.

 

decor_do_dia_2014_07_09

Ambientes compartilhados são tendência e podem ser uma ótima opção em casas ou apartamentos pequenos. É o caso do espaço criado pela arquiteta Lucilla Almeida. Uma divisória foi erguida no meio do cômodo para permitir que uma sala de estar e uma de jantar dividam o mesmo espaço e, ainda assim, mantenham a autonomia. Para criar uma conexão entre as duas, os mesmo materiais são usados dos dois lados. A mesma madeira que dá forma à lareira está presente na mesa, e o mesmo estofado do sofá está na bancada planejada. E para completar o clima aconchegante, optou-se por uma iluminação indireta com spots de luz embutidos e uma luminária pendente sobre a mesa.

 

decor_do_dia_2014_03_05

Quando a cozinha tem espaço suficiente para uma grande mesa de almoço, o lugar se torna ideal para receber amigos e familiares. No caso do ambiente da foto, o décor clean ajuda a dar a impressão de um cômodo ainda mais amplo. A mesa de metal ganhou a companhia de cadeiras Louis Ghost, criadas pelo designer Philippe Starck . O piso e a parede com pastilhas brancas ganharam um toque de cor graças ao pendente criado pelo designer britânico Tom Dixon. O visual segue minimalista com o armário preto, a bancada e as louças brancas.

Pequena Casa, Grande Família……….


 

Finalmente sai o post sobre a nossa casa e finalmente mais uma pequena reforma que acaba. Eu gostei muito e quero dividir com vocês. A nossa família é numerosa, eu, a minha mulher Ruth e quatro filhas ( Joana, Lucia, Carolina e Manuela ), não posso me esquecer de mais dois seres na família, a Fátima e o Caco nossos dois cachorros e companheiros. É uma família animada, ninguém aqui sofre de tédio.

Há mais ou menos dois anos nos mudamos para este apartamento, um prédio bem antigo com apenas três andares e seis moradores, mas assim que vi as fotos pela imobiliária sabia que seria nosso e que a nossa pequena grande família ficaria muito bem instalada. Até então morávamos em uma casa enorme, com um jardim enorme que dava um trabalho enorme. Para quem tem um pequeno problema de TOC não é fácil organizar (do meu modo exagerado) uma casa deste tamanho. A Ruth tentava explicar que o jardim não precisava ficar tão limpo e tão arrumado como dentro de casa, mas para mim tudo era uma coisa só. Cachorros? os atuais e mais três labradores, sendo um deles (Catarina), quase tão insana quanto eu. As crianças aproveitaram e muito esta antiga casa, liberdade e espaço nunca faltou, tinha até uma casinha em cima da árvore.

Enfim, o tempo passou, elas cresceram, eu cansei de catar folhas a cada minuto e decidimos nos mudar. Vender a casa e comprar um apartamento, de preferência com uma varanda grande onde eu não me sentisse aprisionado. Depois de muita busca na internet a sorte conspirou a nosso favor – e que sorte, um primeiro andar com jardim privado (não podia ser melhor). O único problema era o que fazer com todos os móveis de uma casa enorme, e a solução foi fazer um grande garage sale através do meu facebook.

Posso dizer que foi um sucesso de vendas, sem tempo para lamentações ou tristezas nos desfizemos de objetos e móveis de uma vida toda e escolhemos o que realmente nos agradava e trazia recordações. A mudança foi feita, 30 dias de obras para integrar todos os espaços, apenas os quartos e banheiros são separados, o apartamento é praticamente um loft. Eu, como bom libriano tenho um sentido apurado pela estética e sempre gostei muito de decoração e assuntos relacionados a casa, então tudo se encaixou facilmente e rapidamente. A cabeça não para de funcionar, então depois de muitas dúvidas e prorrogações resolvemos pintar toda a área comum de cinza (isso mesmo, cinza),e não é claro não, já que é para mudar mude totalmente. Eu adorei o resultado, móveis, quadros e objetos aparecem muito mais do que nas antigas paredes brancas. A decoração? não seguimos uma linha, aqui vale a mistura total de estilos que se conversem e demonstrem harmonia.Já tentei ser minimalista e clean…….durou alguns segundos. Sejam todos bem-vindos, a musica já está tocando – Lisa Stansfield –

 

CASA.jpg

CASA1.jpg

CASA2.jpg

CASA3.jpg

casa4.jpg

casa5.jpg

casa6.jpg

casa7.jpg

casa8.jpg

casa9.jpg

casa10.jpg

casa11.jpg

casa12

casa13.jpg

casa14.jpg

casa15.jpg

casa1.jpg

casa2.jpg

casa4.jpg

casa5.jpg

casa7.jpg

casa9.jpg

casa11.jpg

casa14.jpg

casa15.jpg

casa16.jpg

casa18.jpg

casa19.jpg

casa21.jpg

casa23.jpg

casa25.jpg

casa26.jpg

casa28.jpg

casa31.jpg

casa33.jpg

casa2.jpg

casa3.jpg

casa4.jpg

casa6.jpg

casa7.jpg

casa8.jpg

casa9

casa10

 

Então, gostaram? o post foi um pouco longo, mas quis fotografar todos os cantinhos para vocês. As fotos não são profissionais por isso me desculpem pela qualidade.

Até o próximo post, fiquem bem