Casa Cor – SP


Chegou a época do ano em que o Jockey Clube abre suas portas para mostrar grandes nomes da arquitetura, decoração e paisagismo no Brasil. É a 28ª edição da mostra Casa Cor São Paulo, que a partir do dia 27 de maio(ontem) exibe 79 ambientes com soluções para casas,apartamentos, lofts e estúdios exclusivamente criados para a ocasião. “Nossos espaços traduzem o que há de mais moderno,prático e aconchegante. Queremos democratizar a arquitetura e a decoração”, explica Angelo Derenze, presidente do Grupo Casa Cor. Aqui alguns ambientes deste grande evento.Acompanhem esta visita com The Pretenders – Human

 

 

casa_cor_ambientes_01

Sig Bergamin

casa_cor_ambientes_02

Sig Bergamin (Casa de campo) Um jardim florido recepciona os convidados em um ambiente onde o conforto é o protagonista e o clima rústico impera. Na casa de campo, os cômodos internos são integrados e uma prática cozinha dá acesso a uma horta. O clima de aconchego fica completo com revestimentos de tecidos ingleses, madeira, ferro e vidro.

 

 

 

 

casa_cor_ambientes_novas_01

Ana Maria Vieira Santos

 

casa_cor_ambientes_novas_02

Ana Maria Vieira Santos (Casa contemporânea) Nove espaços com um jardim no fundo e espelhos d’água criam o ambiente multiuso de 500 metros. Dentre hall, biblioteca e cozinha gourmet, optou-se por tons acinzentados pra valorizar objetos de arte, livros e decoração. Uma novidade da Casa contemporânea é o espaço para o colecionador de arte, uma espécie de minigaleria em que o dono pesquisa sobre o assunto e guarda as obras que não estão expostas pela morada.

 

casa_cor_ambientes_novas_03

Ari Lyra

 

casa_cor_ambientes_novas_04

Ari Lyra (Loft) Com décor eclético, o espaço de 60 m² não se preocupa em seguir determinadas tendências ou estilos. O ambiente mixa móveis antigos com contemporâneos, obras de arte do século 17 com outras dos anos 2000 e costura tudo com uma paleta enxuta de cores. Pensado para quem ama livros, arte e viver cercado de amigos, o loft ganhou várias estantes e áreas de convivência estratégicas.

 

casa_cor_ambientes_novas_05

João Armentano

 

casa_cor_ambientes_novas_06

João Armentano (36X10=360) Com o auxílio de fotografia, gigantogravura, impressão com resolução de última geração, espelhos e iluminação, o arquiteto cria a ilusão de que o jardim de 36 m² – de autoria de Gilberto Elkis – é, no mínimo, dez vezes maior. Daí o nome.

 

casa_cor_ambientes_05

Antonio Ferreira Junior e Mario Celso Bernardes

 

casa_cor_ambientes_06

Antonio Ferreira Junior e Mario Celso Bernardes (Chalé do jogador de golfe) A dupla criou um ambiente despojado com materiais de reaproveitamento. O espaço foi pensado para que uma pessoa apaixonada por golfe, tenha tudo o que é necessário para uma estadia confortável e autônoma: living, cozinha, dormitório, banheiro e hall, além de um deque elevado, que funciona como um mirante. Os móveis remetem à memória afetiva do proprietário, com peças herdadas enquanto azul marinho, azul bebê, marrom e verde criam um visual masculino.

 

casa_cor_ambientes_07

Esther Giobbi

 

casa_cor_ambientes_08

Esther Giobbi (Sala de almoço) Os 36 m² do espaço foram preenchidos com design clássico, como as cadeiras de Hans Wegner, e uma mesa de madeira rústica reaproveitada. O ambiente convida para um momento relaxante onde uma família se cerca de azulejos coloridos, iluminação vintage e boas memórias.

 

casa_cor_ambientes_10

David Bastos

 

casa_cor_ambientes_09

David Bastos (Sala de jantar e lounge) O ambiente de 80 m² incorpora área de estar e sala de jantar. O mobiliário italiano e as obras de arte, ambos de origens clássicas e contemporâneas, constroem um ambiente opulento e cheio de personalidade.

 

casa_cor_ambientes_15

Denise Barreto

 

casa_cor_ambientes_16

Denise Barreto (Casa³) Todos os elementos da casa de 168 m² têm o cubo e a arquitetura paulistana dos anos 1950, 1960 e 1970 como referências máximas. O destaque fica com o cubo de dormir revestido em bambu rústico, que flutua dentro do espaço social da casa. A arquitetura modernista ressurge renovada e com materiais mais aconchegantes.

 

casa_cor_ambientes_20

William Maluf

 

casa_cor_ambientes_19

William Maluf (Sala de jantar) Cores refrescantes se misturam a móveis clássicos e minimalistas para criar um ambiente calmo para a última refeição do dia. Além da mesa, a sala de jantar traz uma área de convivência repleta de livros e decoração vintage.

 

casa_cor_ambientes_26

Murilo Lomas

 

casa_cor_ambientes_25

Murilo Lomas (Suíte do casal) O ambiente com inspiração na cidade de Nova York ganhou um grande carpete desenvolvido especialmente para a mostra. Outro destaque é uma lareira gigante que aquece a decoração, que é sóbria, mas aconchegante.

 

casa_cor_ambientes_28

Paola Ribeiro

 

casa_cor_ambientes_27

Paola Ribeiro (Living do empresário) O projeto é um espaço integrado que abriga hall de entrada, sala de estar, cozinha e uma lareira ecológica. Tons neutros, especialmente o bege, ocupam quase todo o espaço. O colorido fica por conta das obras de arte.O hall, um pouco mais alto do que o resto do ambiente permite ao visitante vislumbrar todos os espaços logo na entrada.

Anúncios

2 comentários em “Casa Cor – SP

  1. Suzana disse:

    Como comentei acho o sig bergamin um pouco carregado!!! Não ele o ambiente kkk

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s